Uma casa para Cristóvão Colombo, em plena Nova York

Dia 12 de outubro é um feriado em boa parte da América Latina pois se comemora, dentre várias coisas, o dia em que Cristóvão Colombo desembarcou nas Américas. Em 1892, quando a viagem fez 400 anos, foi erguida uma estátua do descobridor em Nova York, onde hoje fica o Columbus Circle. Com o passar do tempo, o nome do lugar pegou, mas a estátua ficou esquecida, lá no topo do mastro, sem que muita gente fizesse ligação entre o homem e o endereço.

Por isso o artista japonês Tatzu Nishi resolveu fazer uma instalação no local a fim de que todo mundo se lembre da estátua. Ele é conhecido por suas várias obras em que coloca em evidência estátuas e monumentos. Para Colombo, ele criou uma sala de estar. Assim o descobridor pode descansar. E o mais interessante é que dá para subir até a tal sala para ver de perto a estátua e as ruas ao entorno de Columbus Circle. A instalação faz parte do projeto Public Art Fund e fica à mostra até o dia 18 de novembro de 2012. Imperdível!

As fotos são do artista visual Tom Lisboa, que está em Nova York nos enviando várias novidades através de seu Instagram.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s