quando o creme não se chama creme

A rede inglesa de farmácias Boots é criativa nas embalagens, no ponto de venda, nas fotografias e até no nome das linhas e dos produtos. A marca também se diferencia na maneira de abordar as diferentes idades e fases da vida

O creme para rugas para quem quer combater os primeiros sinais, por exemplo, se chama “Catch a Wrinkle”. A tradução disto seria: “Pegue aquela ruguinha”. O creme para a região dos olhos se chama “SuperEYE”. As embalagens têm também títulos divertidos que ajudam a explicar o produtos. Na caixa da embalagem da base está escrito: “Querida, você não precisa de cirurgia plástica, você precisa do mago das imperfeições.” O nome do produto é Wizard of Flaws (Mago das Imperfeições). O creme para as mãos se chama “luva eterna”.

cremes1cremes2

Anúncios

Um comentário em “quando o creme não se chama creme

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s